Eventos Institucionais
Cidade de Tete hospeda a 6ª Edição da Feira Ambiental
Inserida nas celebrações dos 20 anos  do Ministério para a Coordenação da Acção Ambiental (MICOA), o Fundo do Ambiente (FUNAB) promoveu, de 03 a 05 de Abril de 2014, na cidade de Tete (Pavilhão Polivalente do Conselho Municipal local) a real...Saiba mais >>
Bem-Vindo ao FUNAB
Sexta, 21 Março 2008 08:32
O fundo do ambiente foi criado com o objectivo de fomentar actividades de gestão e promoção ambiental e servir como fundo de contingências em caso de acidentes ou danos ambientes. Pretendemos liderar o país na promoção de um ambiente saudável, no alcance de uma elevada qualidade de vida e um desenvolvimento social, ambiental e económico equilibrado.
LAST_UPDATED2
 
Mensagem da PCA por Ocasião do Natal e Fim do Ano PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por FUNAB   
Quarta, 19 Março 2008 20:40

Caro colega,

Está prestes a terminar mais um ano de convívio, trabalho, dedicação e sacrifício em prol da nossa instituição. Quero pois deixar registado o meu profundo apreço pela imensurável colaboração, testemunhada pelos assinaláveis progressos que a nossa instituição memorizou ao longo do presente exercício económico, prestes a terminar.

Com efeito, e pela primeira vez, tivemos projectos a serem implementados de forma ininterrupta em todas as províncias do nosso belo pais, actividades acompanhadas das respectivas monitorias. Realizamos com sucesso duas feiras do ambiente (VI e VII Edição), uma na província de Tete e outra na cidade de Maputo e disponibilizamos quites de saneamento de meio e contentores para a deposição de resíduos em vários Municípios.

Adicionalmente, rubricamos a minuta de financiamento para a construção do futuro Aterro Sanitário para as cidades de Maputo e Matola, avaliado em 60 milhões de dólares americanos, tendo sido adjudicadas as obras do muro de vedação e iniciado o processo com vista a realização do estudo do impacto ambiental e o reassentamento das populações.

Durante este exercício, concluímos, com sucesso, o estudo geotécnico e económico-financeiro para a construção do futuro Aterro Industrial de Tete, que indica um custo inicial entre 5 a 6,5 milhões de dólares. Concluímos igualmente o processo de despoluição do Parque Ecológico de Malhazine e já foi adjudicada a obra de reabilitação dos escritórios onde irá funcionar a Comissão Instaladora, cuja actividade, espera-se que inicie brevemente.

Foi durante este ano que a Unidade das Mudanças Climáticas e o projecto REDD+ conheceram um progresso notável, com a contratação de vários consultores e oficiais que vieram emprestar uma nova dinâmica, sobretudo as áreas financeira e de procurment.

Não tenho dúvidas que os sucessos alcançados não teriam sido possíveis sem a vossa abnegada contribuição e esforço.

A realização do nosso Retiro na Vila da Namaacha, marcou o início de uma nova fase na vida profissional de cada um de nós e no da instituição em geral. A abertura que caracterizou a sua realização e os subsequentes encontros que foram sendo realizados ao longo do ano, contribuíram para cimentar a nossa união, pese embora se reconheça que ainda há muito caminho a percorrer e tantos desafios a enfrentar com vista a permitir que todos e cada um de nós participe de forma activa na tomada de decisões que afectam a vida da instituição, fazendo fluir a informação, usando todos os instrumentos instituídos dentro do FUNAB.

O ano foi também marcado pelo cessação de actividades de três colegas, por força dos dispositivos legais. Para eles, gostaria também de manifestar o meu muito obrigado pela contribuição que cada um deu para o engrandecimento da instituição. Sem a sua participação entusiástica, certamente não teríamos logrado os êxitos que a instituição conquistou ao longo destes 14 anos. Pelo legado que nos deixaram, e apesar de estarem fora da instituição, continuarão  a constituir a nossa fonte de inspiração e uma memória institucional para todos nós.

Porque estamos em final do ano, gostaria também de recordar alguns dos desafios que nos esperam em 2015, a começar pela discussão e implementação do nosso Plano Estratégico, o inicio das obras de construção do futuro edifício sede do FUNAB, bem como dos Aterros Sanitário de Maputo e Matola e Industrial de Tete.

Por outro lado, precisamos de reforçar os nossos instrumentos de gestão, designadamente a elaboração e implementação dos Manuais de Procedimentos para que se eliminem algumas zonas de penumbra que ainda persistem. Precisamos igualmente de melhorar a nossa comunicação interna e com o exterior, para a disseminação das nossas actividades. Os diferentes órgãos precisam de estar mais sintonizados. De referir que já iniciou a discussão ao nível do Conselho de Administração sobre a necessidade do FUNAB se concentrar nas actividades que tem a ver com a sua missão. Esta discussão terá que ser alargada a todos os colaboradores para se obter os necessários consensos e alinhamentos fundamentais para o sucesso que se pretende.

Finalmente, em 2015, comemoram-se as bodas de cristal do FUNAB. Faço votos para que seja um momento de festa e de exaltação das inúmeras conquistas acumuladas ao longo dos 15 anos. Que a nossa gala que se perspectiva seja um marco assinalável e que deixe memórias para os que nos seguirão. Que juntos unamos esforços para que todas as actividades aprazadas possam decorrer com a elegância e o prestígio que a data merece.

Desejo a todos, festas felizes, um Feliz Natal e um próspero Ano Novo, muita saúde e muita plenitude para todos Vós e família.

 Bem haja a todos!

 

 

LAST_UPDATED2
 

MENSAGEM DO PCA

Tornando-se necessário criar uma instituição capaz de fomentar as actividades de gestão e promoção ambiental e, em particular que servisse como fundo de contingência em caso de acidentes ou danos ambientais.

Links Importantes

Governo Electrónico
Portal Oficial do Governo.
Legislação Ambiental
Legislação Ambiental.
MICOA
Ministério para a Coordenação da Acção Ambiental.